MANTENEDORES

Conferência FACTA 2017 reúne setor e coloca a avicultura de baixa emissão de carbono em discussão

ConfFACTA2017

Conferência FACTA 2017 reúne setor e coloca a avicultura de baixa emissão de carbono em discussão

Os vencedores do Prêmio Lamas foram anunciados no último dia

 

A 34ª Conferência FACTA, um dos principais eventos técnicos da avicultura, reuniu profissionais, acadêmicos e estudantes durante os dias 23, 24 e 25 de maio, em Campinas (SP). O encontro abordou temas como manejo, nutrição, saúde e produção de aves, além de discussões sobre a produção orgânica, avicultura de baixa emissão de carbono e controle de enteropatógenos de origem avícola para saúde pública, que geraram diversos questionamentos e debates de alto nível.

 

Segundo a presidente da FACTA, Irenilza de Alencar Nääs, a produção avícola brasileira vem de uma evolução bastante positiva nos últimos 30 anos. “Embora já tenhamos atingido números bastante significativos, em termos mundiais inclusive, as demandas se alteram e os mercados ficam cada vez mais exigentes. Já vencemos o desafio do bem-estar animal e o prognóstico atual é que teremos que lidar com a avicultura de baixa emissão de carbono e uma produção avícola mais limpa, no geral, respondendo a uma demanda internacional. Na esfera nacional, acredito que o agronegócio brasileiro e a avicultura, em particular, vão vencer o momento pelo qual o Brasil passa, porque temos a tecnologia, sabemos fazer e fazemos bem”.

 

A zootecnista Karina Dosualdo, que participou pela primeira vez da Conferência, ficou impressionada com os conteúdos apresentados. “Excelentes palestras, com temas muito atuais e que aproximam a tecnologia e a ciência da produção. São assuntos necessários, como o bem-estar animal e a questão dos orgânicos, por exemplo. Temos que aproximar a sociedade civil dessa área técnica”, ressalta.

 

Para José Laércio, gerente de incubatório da granja São José, a Conferência tratou de temas muito relevantes para o mercado atual. “Vi muitas coisas relacionadas a orgânicos e achei oportuno, porque o mundo está olhando para essa questão. Os assuntos abordados pelo evento estão acompanhando o que o mercado precisa. Como também trabalhamos com criação de orgânicos, levaremos muita coisa para o nosso dia a dia, principalmente o tema da baixa emissão de carbono, que vale para o incubatório, para a criação de frango e para a vida”, detalha.

 

“Para mim, a Conferência foi uma grata surpresa este ano, pela excelente organização e o nível das palestras, todas de excelente qualidade, com temas de relevância para o setor de forma geral e também pela participação do público, o que mostra a importância do crescimento técnico do evento para atrair pessoas da área”, destaca o médico veterinário Rodrigo Tedesco, da Aviagen.

 

Sobre a edição 2017 da Conferência, Irenilza explicou ainda que a FACTA foca justamente em preparar o profissional técnico para esses e outros desafios para que tenha informação e tecnologia suficientes para aplicar todo o conhecimento adquirido na empresa em que atua. “Fico muito feliz de que nós, com todo esse contexto de dificuldade que o país passa, tenhamos recebido aqui cerca de 460 participantes, o que demonstra que realmente houve uma aceitação muito boa. Os técnicos vieram discutir e encheram as salas. Isso demonstra a pujança da nossa avicultura”, finaliza a presidente da entidade.

 

Prêmio Lamas

O Prêmio Lamas 2017, promovido pela FACTA com o objetivo de fomentar a pesquisa acadêmica e laboratorial, premiou os trabalhos inscritos nas categorias Nutrição, Sanidade, Produção/Incubação e Outras Áreas (Fisiologia, Processamento, Comercialização, Industrialização etc.).

 

Confira todos os ganhadores:

 

SANIDADE

 

Vencedor Oral – Clarissa Silveira Luiz Vaz. Instituição: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Trabalho: “Efeito de tratamentos de cama aviária sobre a infectividade de vírus e bactérias”.

Menção Honrosa – Vagner Ricardo Lunge. Instituição: Simbios Biotecnologia. Trabalho: “Salmonella Gallinarum: análise genômica permite rastrear a origem e a diversificação de recentes surtos de tipo aviário e pulorose no Brasil”.

Vencedor Pôster – Thais Fernanda Martins dos Reis. Instituição: Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Trabalho: “Associação entre a presença de genes do grupo ESBL e os genes ampC e a resistência fenotópica ao Ceftiofur em E.coli resistentes a amoxilina”.

Vencedor Pôster – Rafaela Altarugio. Instituição: Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Trabalho: “Seleção e caracterização probiótica in vitro de lactobacillus spp. com potencial de inibição de salmonella Heidelberg isolados de perus”.

 

NUTRIÇÃO

 

Vencedor Oral – Fernando de Castro Tavernari. Instituição: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMPBRAPA). Trabalho: “Coeficientes de digestibilidade ileal de aminoácidos de rações fareladas e peletizadas para frangos de corte determinados com diferentes indicadores”.

Menção Honrosa – Rafaela Pereira. Instituição: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Trabalho: “Combinação de prebióticos e um simbiótico na ração de frangos de corte”.

Vencedor Pôster – José Eduardo Butolo. Instituição: BIOJEB. Trabalho: “Avaliação do desempenho de frangos de corte alimentados com ração suplementada com ácido guanidionoacético até 40 dias de idade”.

Vencedor Pôster – Veridiana Aparecida Limão Barbero. Instituição: Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Trabalho: “Coeficiente de digestibilidade de nutrientes em dietas de galinhas poedeiras com diferentes níveis de incluso do calcário granulado”.

 

PRODUÇÃO

 

Vencedor Oral – Nilsa Duarte da Silva Lima. Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Trabalho: “Pegada de carbono na produção de frangos de carte”.

Menção Honrosa – Maria Júlia Macedo Franco. Instituição: Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Trabalho: “Mortalidade embrionária e qualidade do pinto ao nascer oriundo de ovo de casca vítrea de matriz pesada (Gallus gallus)”.

Vencedor Pôster – Rafael Belintani. Instituição: Universidade Federal de Dourados (UFGD). Trabalho: “Condenações por aerossaculite e síndrome ascítica em frangos de corte”.

Vencedor Pôster – Jorge Ikefuti Filho. Instituição: Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho (UNESP). Trabalho: “Manipulação térmica e o rendimento de incubação de ovos de pesos distintos de matriz leve”.

 

OUTRAS ÁREAS

 

Vencedor Oral – Ianê Correia de Lima Almeida. Instituição: Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho (UNESP). Trabalho: “Latency to lie e gait socre em frangos de corte”.

Menção Honrosa – Jonas Irineu dos Santos Filho. Instituição: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Trabalho: “Impacto da logística brasileira no reço do milho e na cadeia produtiva do frango”.

Vencedor Pôster – Gerson Neudí Scheuermann. Instituição: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA). Trabalho: “Caracterização do estado de inconsciência dos frangos após eletronarcose com baixa corrente e alta frequência”.

Vencedor Pôster – Nilsa Duarte Silva Lima. Instituição: Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Trabalho: “Incidência de miopatía peitoral em frangos de corte”.

 

Mais informações: www.facta.org.br

 

Informações para a imprensa
Attuale Comunicação – (11) 4022-6824
Mariele Previdi – 11 99954 4626 – mariele@attualecomunicacao.com.br
Juliana Bonassa – 11 94928 0849 – juliana@attualecomunicacao.com.br
Mariane Belasco – 11 97066 0426 – mariane@attualecomunicacao.com.br



Citrate 100mg Tabletter Viagra Billiga priser Viagra utan recept Citrate tablett 100mg K?pa Billiga Viagra K?p Dapoxetine P? N?tet Citrate 100mg Tabletter Dapoxetine Online Sildenafil Viagra 100mg Dapoxetine ?versyn Generisk Viagra F?r Dapoxetine N?tet Cialis 5mg recensioner Billiga Viagra K?p Kamagra Viagra Sverige F?r Dapoxetine N?tet Sverige Viagra 100mg Dapoxetine FDA Behandling f?r manliga ED Kontrollerat L?kemedel K?p Dapoxetine P? N?tet Generisk Viagra Sverige erektil dysfunktion Viagra P? N?tet